Conheça destinos turísticos famosos pelo cultivo do cacau

Conheça destinos turísticos famosos pelo cultivo do cacau

Setentrião e Nordeste atraem turistas interessados em saber o processo de produção da iguaria também conhecida porquê o “fruto de ouro”

 

Quando se fala em cacau, a primeira coisa que pensamos é: chocolate. E simples, não é para menos. Finalmente, são poucas as pessoas que não se deliciam com a iguaria apreciada em todo o mundo. Mas além de ser uma fruta deliciosa, o cacau também oferece diversos benefícios à saúde. O Brasil é o maior produtor do mundo dessa material prima, com destaque para o Setentrião e o Nordeste.

No Nordeste, o estado da Bahia já foi o maior produtor da fruta. No entanto, o Pará vem se destacando neste cultivo, com a maior produção de cacau do mundo. A paraense Medicilândia, no sudeste do estado, não é somente a maior produtora do chamado “fruto de ouro”, mas também foi destaque em uma das mais importantes premiações do mundo, o Cocoa of Excellence Awards (Cacau de Primazia). Juntamente com Ilhéus (BA), as amêndoas brasileiras dividiram o primeiro lugar do prêmio que consagra as 50 melhores do mundo. A medalha de prata do evento também ficou para Medicilândia.

Diante desse histórico de superioridade, o MTur não poderia deixar de dar destaque a roteiros para os viajantes que desejem unir gastronomia e história no país. Confira as dicas.

PARÁ – Vem se destacando porquê um grande produtor de cacau. Na capital Belém está localizada a Ilhéu do Combu, conhecida pela produção de açaí e cacau e que também abriga a famosa produtora de chocolate Vivenda do Chocolate da Dona Nena ou Filha do Combu, porquê também é conhecida. O passeio pela Vivenda do Chocolate é uma das atividades imperdíveis da ilhéu. Há opções para moca da manhã, visitante à plantação de cacau, ao processo de fabricação do chocolate artesanal e trilha interpretativa na floresta. Lá, é provável encontrar barras de chocolate 100% cacau, cacau em pó, brigadeiros, entre outros produtos feitos com o cacau orgânico plantado no lugar.

BAHIA – Já no estado baiano o destaque fica por conta da cidade de Ilhéus. Há décadas o cacau atrai turistas do mundo inteiro à cidade pelo vestuário de ter servido de substância principal para muitos romances de Jorge Querido. As histórias que permeiam o lugar e o fruto mexem com o imaginário das pessoas que buscam saber a enxovia produtiva do cacau, muito presente nas histórias dos “coronéis” da idade áurea do “fruto de ouro”.

Também na Bahia é provável saber a Estrada do Chocolate, que passa por Ilhéus e pela cidade de Uruçuca. O roteiro inclui passeios por antigas fazendas de cacau oferecendo uma viagem ao pretérito. No enredo, a história dos coronéis e suas fortunas, desde o plantio do fruto, passando pelos hábitos das famílias, o auge e a crise provocada pela praga da vassoura de feitiçeira, até a recente chegada das fábricas de chocolate na região, que também podem ser visitadas.

POR TODO O BRASIL – O Brasil também tem o maior evento devotado ao chocolate e ao cacau da América Latina. O Chocolat Festival tem porquê propósito fabricar um relacionamento direto da enxovia produtiva do cacau com seu consumidor, fazendo a expansão do conhecimento de produtos derivados do cacau para promover a indústria, o agronegócio, o turismo e a gastronomia.

O festival teve sua primeira edição em 2009, em Ilhéus. Posteriormente grande sucesso, o evento chegou à Belém do Pará em 2013 e já reuniu mais de 750 milénio visitantes nas 20 edições realizadas nos dois maiores produtores: Bahia e Pará. O evento também já passou por estados porquê Espírito Santo, São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

TURISMO RURAL – O MTur, com o objetivo de ampliar e variar a oferta turística brasileira por meio da inserção de produtos e serviços da lavoura familiar no mercado turístico, desenvolveu o projeto Experiências do Brasil Rústico (EBR) para concordar a formatação e o posicionamento de produtos e roteiros turísticos de experiência no meio rústico, a exemplo dos roteiros cá apresentados que tem na indústria do Cacau um importante atrativo turístico.

Conheça AQUI as rotas participantes.

Por: Ministério do Turismo